A queda de um andaime numa escola chinesa, afeta à Universidade de Tsinghua, em Pequim, provocou esta segunda-feira a morte de dez pessoas, todas trabalhadores da construção civil que faziam obras no ginásio. 

 

Outras quatro pessoas ficaram feridas, mas a escola garantiu que não há professores ou estudantes entre os feridos, embora o acidente se tenha dado com a escola em atividade. 

 

As autoridades abriram um inquérito para apurar da culpa ou negligência no acidente, mas não foram adiantados mais pormenores. A Associated Press sabe, no entanto, que as vigas mestras cederam e provocaram a queda da estrutura.