As autoridades chinesas estão à procura de mais de 100 noivas vietnamitas que desapareceram depois de casarem com chineses de zonas rurais.

Os homens, da cidade de Quzhou, foram apresentados às mulheres por Wu Meiyu, uma noiva vietnamita que vive na zona há 20 anos, diz o China Daily.

Wu, que recebeu pagamentos de mais de 100.000 yuan (13 mil euros) em troca de «apresentações» bem-sucedidas, desapareceu juntamente com as outras mulheres.

O diário cita uma fonte oficial não identificada que diz haver suspeitas do envolvimento de um grupo de crime organizado no desaparecimento das mulheres.

A compra de mulheres de países do sudeste asiático tornou-se comum em algumas zonas rurais da China, onde há um grande desequilíbrio de géneros devido à preferência por rapazes.