A cidade de Chibok, no nordeste da Nigéria, caída nas mãos do grupo islamita Boko Haram na passada quinta-feira, foi retomada pelo exército e por milicianos locais, revelaram este domingo responsáveis militares e locais à AFP.

Esta cidade do Estado de Borno esteve sob a atenção internacional devido ao rapto, em meados de abril, de 276 adolescentes por islamitas do Boko Haram, provocando uma vaga de indignação no mundo.

Chibok tinha caído nas mãos do Boko Haram na quinta-feira à tarde, após muitas horas de combates entre os islamitas e milicianos locais.