Dois irmãos gémeos ingleses, de Belfast, decidiram criar um negócio nunca antes visto: um café dedicado aos cereais. O Cereal Killer Café vai servir mais de 100 variedades de cereais de todo o mundo e a inauguração está prevista para dia 10 de dezembro, em Brick Lane, Londres.

 


Alan e Gary Keery pensaram nas pessoas que gostam de tomar o pequeno-almoço fora e que estão fartas de torradas e bolos, agora vão poder comer uma taça de cereais num café, algo que antes estava confinado à casa das pessoas.
 

«Nós lembramo-nos o quão entusiasmante era em crianças e estamos a tentar recriar isso no nosso café, por isso as pessoas vão estar rodeadas de muitas memórias de cereais, que vão causar nostalgia», disse Alan Keery, cofundador da empresa, ao The Independent.

Os gémeos passaram os últimos seis meses a procurar fornecedores por todo o mundo, incluindo locais como América, França, Austrália, África do Sul e Coreia do Sul. Assim conseguiram chegar a uma centena de cereais, adquirindo até uns que já foram descontinuados.

«O cereal mais ‘complicado’ que vamos ter será provavelmente o Oreo O’s, da Coreia do Sul, que foi descontinuado em todo o mundo, em 2003. No entanto ainda está disponível nesse país e nós vamos tê-lo», revelou Gary ao Metro inglês.

No café vão ser servidos, além dos cereais, tostas, café, 18 tipos de pop tartes, 12 tipos de leite (de arroz, amêndoa, aveia, soja, avelã, sem lactose) e 20 coberturas diferentes, como M&M’, bolachas Oreo, marshmallows e framboesas.

«Vamos dar um toque pessoal a uma simples taça de cereais permitindo que o cliente escolha o leite e a cobertura. Vai ser uma experiência que ainda não existe em lado nenhum», explicou Alan Keery.