Depois de Scout Willis, filha dos atores Bruce Willis e Demi Moore, ter iniciado uma campanha contra a censura do Instagram, foram várias as celebridades que se juntaram ao movimento que utiliza a hashtag #FreeTheNipple (liberte o mamilo).

A modelo inglesa Cara Delevigne foi a última famosa a partilhar fotografias com nudez depois de outras celebridades também terem apoiado a iniciativa, como a cantora Rihanna que viu a sua conta cancelada e a atriz australiana Cailtin Stasey.

Segundo Scout Willis, as políticas do Instagram não fazem sentido e «nenhuma mulher devia envergonhar-se do seu corpo». A rede social já se pronunciou sobre o assunto, admitindo que procura sempre um equilíbrio entre a expressão criativa e a proteção dos seus utilizadores.