O Brasil é o quarto país do mundo com mais casamentos de crianças e adolescentes até aos 15 anos, com 877 mil jovens entre 20 e 24 anos casadas antes dessa idade, segundo um estudo do Instituto Promundo.

O país também é o quarto da lista, em números absolutos, com mais raparigas casadas antes dos 18 anos. Segundo o Instituo, que utilizou estatísticas da Pesquisa Nacional de Demografia e Saúde da Criança e da Mulher, de 2006, cerca de três milhões com idades 20 e 24 anos, ou seja 36%, afirmou ter contraído matrimónio antes de alcançar a maioridade legal.

O relatório, divulgado na quarta-feira em Brasília, com o apoio do Fundo das Nações Unidas para a Infância (Unicef) e da Fundação Ford, também demonstra que pouco mais de 88 mil jovens entre 10 e 14 anos vivem em uniões consensuais no país, tanto civis como religiosas, segundo dados do censo de 2010.