logotipo tvi24

Carla Bruni suspeita de desvio de fundos públicos

Fundação da primeira-dama francesa terá recebido dinheiro de forma ilegal

Por: Redacção / CP    |   2012-01-08 09:42

A mulher do presidente francês Carla Bruni Sarkozy está envolvida num escândalo de alegado desvio de fundos públicos.

De acordo com a imprensa francesa, a fundação da primeira-dama dedicada à luta contra o analfabetismo terá recebido de forma ilegal 3,5 milhões de euros do Fundo Nundial de Luta contra a Sida, um organismo do qual Bruni é embaixadora.

Os jornais dizem ainda que Carla Bruni terá feito transferências ilegais para várias empresas pertencentes a um amigo, o músico e empresário Julien Civange, que foi testemunha no casamento da antiga modelo com o chefe de estado Nicolas Sarkozy.

Perante tudo isto, Carla Bruni rejeita as acusações e garante que a fundação que preside nunca recebeu dinheiros públicos.

Partilhar
FOTOGALERIA:
Carla Bruni: primeira aparição pública desde o nascimento de Giulia

Sarkozy e Carla Bruni (Reuters) EM CIMA: Sarkozy e Carla Bruni (Reuters)

Gaza: Israel anuncia nova trégua humanitária de quatro horas
Pausa na ofensiva teve início às 15:00 locais, mas não vai abranger todo o território do enclave
Morreu o último piloto que lançou a bomba atómica sobre Hiroshima
Theodore van Kirk, conhecido como «o holandês», morreu de causas naturais aos 93 anos
Governo ucraniano recupera controlo de cidade perto de Donetsk
Os combates entre as forças do Governo e os separatistas fizeram 19 mortos nas últimas 24 horas e estão a impedir o acesso aos destroços do voo MH17
EM MANCHETE
Governo envia carta ao PR sobre salários e pensões
Carta do Executivo explica «os termos» em que o Governo julga «que uma fiscalização preventiva pode ser útil para o país»
BES financiou clientes na condição de investirem no Grupo
Cortes e contribuição de sustentabilidade na «mala de férias»