As fotografias de uma cadela a ser enterrada viva em França colocadas na rede social Facebook desencadearam hoje revolta com a situação, divulgaram as autoridades.

Tradução: "O homem que enterrou o cão vive nas Yvelines. Ele merece morrer".

Tradução:  "Ao homem que enterrou o cão vivo, desejo-te uma morte lenta e dolorosa".

O dono foi detido e encontra-se sob custódia das autoridades, indicou a polícia citada pela agência noticiosa francesa (AFP).

O animal, de raça mastim, foi encontrado e libertado no sábado por um homem quando passeava o seu cão num terreno baldio em Carrieres-sur-Seine, a oeste de Paris.