Cerca de 10 mil pessoas foram retiradas das suas casas esta madrugada, devido a incêndios que já queimaram 400 hectares perto de Bormes-les-Mimosas, no sul de França, informaram esta quarta-feira os bombeiros.

A retirada de, pelo menos 10 mil [pessoas], é consequência da progressão do fogo. É uma zona habitada que duplica ou triplica a sua população no verão”, declararam os bombeiros de Var à agência AFP.

Os incêndios no sul de França e na ilha de Córsega já destruíram quatro mil hectares de mato e floresta e deixaram nove bombeiros feridos.

Centenas de bombeiros estão destacados para o combate aos incêndios, que contam com ajuda de Itália, que disponibilizou aviões canadair para o combate às chamas, em rresposta ao pedido de ajuda europeu.

"França solicitou aviões canadair", afirmou o diretor da proteção civil, Jacques Witowski.

Segundo o El País, no total estão 2.000 bombeiros e 19 meios aéreos a combater as chamas.