As duas erupções do vulcão Calbuco, no Chile, ainda estão a afetar os céus da região. O tamanho da nuvem de cinzas é tal, que pode ser visto do espaço.


 
Muitos voos continuam a ser cancelados, tanto no Chile como na Argentina. As cinzas já chegaram mesmo a Buenos Aires, a quase 2.000 quilómetros de distância do vulcão.
 
Em Bariloche, a maior cidade argentina mais próxima do Calbuco, há estradas cobertas de cinzas e a nuvem serve, pelo menos, para tirar boas fotografias.


 
O vulcão continua mais calmo, mas as autoridades não descartam que a atividade possa intensificar-se novamente nas próximas horas.
 
Mais de 4.000 pessoas foram retiradas da região, mantendo-se evacuado um raio de 20 quilómetros ao redor do vulcão. 

O Calbuco entrou inesperadamente em erupção depois de 43 anos inativo e a coluna de fumo chegou aos 15 quilómetros de altura.