O incidente aconteceu em Waterbeach, Inglaterra, em setembro, e foi captado pelas câmaras de vigilância. Uma ciclista não identificada quase foi colhida por um comboio quando tentava atravessar a linha. A mulher conseguiu travar exatamente no último instante antes do que seria uma morte certa.

A polícia de transportes local divulgou agora as imagens como parte de uma campanha de sensibilização para os cuidados a ter junto às passagens de nível. As autoridades esperam igualmente que alguém consiga identificar a mulher para que possa ser notificada.

O facto de ter ignorado os sinais e as cancelas de proteção é considerado crime pelo que a mulher poderá enfrentar um processo judicial.

Em declarações à BBC, Richard Schofield, da Network Rail (empresa que gere as linhas-férreas britânicas), afirmou que «a pessoa que tentou atravessar a linha não só não ouviu o barulho do comboio, como ignorou as luzes de aviso e a cancela, colocando a sua via, a dos passageiros e do próprio maquinista em perigo».

«As barreiras de proteção estão lá por uma razão, para proteger os utilizadores, e espero que a divulgação destas imagens realce a importância de seguir as normas de segurança junto às passagens de nível», continuou a mesma fonte.