Um brasileiro de 41 anos, engenheiro zootécnico, terá matado os dois filhos de três e quatro anos, antes de tentar suicídio. De acordo com o portal de notícias da Globo, foi a mãe, uma fisioterapeuta de 39 anos, que alertou a polícia.

O crime aconteceu em São José do Rio Preto, em São Paulo, Brasil. Quando a polícia se deslocou à casa do casal, encontrou as crianças já mortas, deitadas na cama com o pai, que apresentava também vários ferimentos de faca.

De acordo com a Globo, que cita fonte policial, o homem deixou uma carta escrita à mão, onde diz ter descoberto uma traição da mulher. Diz ainda que, por isso, decidiu matar os filhos e matar-se em seguida para que os filhos não tivessem de crescer sabendo da suposta traição da mãe.