Um protesto organizado por funcionários públicos perto da assembleia legislativa do Rio de Janeiro resultou em confrontos violentos entre polícias militares e manifestantes. Pelo menos três agentes ficaram feridos, segundo o site G1.

Imagens transmitidas ao vivo nas redes sociais pelo coletivo de jornalistas Mídia Ninja mostra que as ruas do centro do Rio de Janeiro se transformaram num verdadeiro campo de guerra, com a polícia a lançarem centenas de granadas de gás lacrimogéneo para dispersar os manifestantes.

O protesto foi ainda marcado pelo atear de pequenos incêndios em caixotes de lixo e no interior de uma agência bancária, tendo alguns dos manifestantes arremessado objetos e cocktails molotov contra a polícia.

A manifestação resultou de um protesto organizado por funcionários públicos do Rio de Janeiro contra o pacote de austeridade defendido pelo governo local, que atravessa uma grave crise financeira e pretende promover cortes de gastos para limpar o défice das contas públicas.