Os Bombeiros de Bruxelas atacaram uma barreira policial que os impedia de avançar com espuma lançada a partir dos tanques dos camiões.

Os soldados da paz belgas manifestavam-se por melhores condições de trabalho.

Apesar de terem sido cobertos de espuma pelos bombeiros, os polícias não desfizeram a barreira e mantiveram as suas posições durante todo o protesto.