A mãe de um bebé de dois meses confessou à Polícia Civil de Minas Gerais, no Brasil, que deu o próprio filho a um casal de adolescentes após uma negociação pela Internet. Para explicar o desaparecimento da criança, Renata Soares da Costa, de 19 anos, afirmou que a criança tinha sido raptada no último sábado, numa das ruas mais movimentadas do centro de Belo Horizonte. A jovem resolveu contar a verdade depois de entrar em contradição nos depoimentos, noticia a imprensa brasileira.

De acordo com a primeira versão contada à polícia, Renata Soares da Costa estaria a caminhar nas ruas da capital mineira quando uma pessoa lhe arrancou, à força, o bebé dos braços. Depois de assumir que a criança não foi vítima de um sequestro, a mãe foi multada e detida.

Uma equipa da polícia de Belo Horizonte viajou entretanto até ao Rio de Janeiro, acompanhada pelo pai do bebé, Jhoney Lima Santos Nulhia, de 24 anos, em busca do casal que teria levado a criança. Na segunda-feira, na região oeste da capital carioca, as autoridades encontraram a dupla, que também foi detida.

A investigação continua nos dois Estados para apurar as circunstâncias e a motivação do crime. Falta também apurar se há outros envolvidos, já que o pai da criança também é considerado vítima no caso. O bebé voltou entretanto à capital mineira na madrugada desta terça-feira, nos braços do pai, que ficará com a guarda da criança.