Um bebé de um dia, que tinha sido raptado de um hospital no Quebec, no Canadá, foi resgatado graças ao Facebook. O recém-nascido tinha sido levado por uma mulher de 21 anos, vestida de enfermeira. As câmaras de segurança do hospital capturaram uma imagem da cara da mulher, que foi partilhada amplamente no Facebook.

De acordo com a ABC News, foi a divulgação dessa imagem e também de dados do carro em que a mulher se fazia transportar que levaram à captura da raptora e à recuperação do bebé.

De acordo com a mãe do bebé, o rapto aconteceu na segunda-feira. Uma mulher usando uniforme de enfermeira entrou no quarto, ao fim do dia, e levou o bebé com o argumento de o pesar. A mãe não suspeitou de nada e entregou o bebé à mulher que sumiu com ele.

Não passaram muitos minutos até a mãe estranhar a atitude da mulher, a concluir que o recém-nascido tinha sido raptado e a chamar a polícia. As autoridades lançaram então um Alerta Amber (chama-se assim ao alerta lançado pelas autoridades do norte do continente americano para desaparecimento de menores).

A partilha do caso no Facebook levou uma mulher a reconhecer a alegada raptora do antigo bairro onde morava. Juntamente com a irmã e dois amigos, a mulher foi à casa onde morava a alegada raptora e resgatou o bebé, chamando depois a polícia.