Grávida do terceiro, a filha mais nova de Paula D’Amore trocou, no entanto, as voltas à mãe, e acabou por nascer à porta do hospital de Boca Raton, na Florida, Estados Unidos.

Paula D’Amore acordou com dores e sabia que o parto estava para breve. Não era mãe de primeira viagem e, por isso, resolveu ficar em casa durante mais algum tempo, em vez de correr para o hospital. Reuniu o marido, a doula e até a fotógrafa em seu redor. Tomou um banho, andou a pé, mas não conseguiu chegar, de carro, ao hospital a tempo.

A pequena Danielle estava com pressa de nascer e acabou por vir ao mundo ali mesmo, no banco de trás do carro do pai. O hospital ficava a meia hora de distância. Paula sentiu um “ardor”, como explicou à ABC. Sabia que Danielle estava preparada para sair. A fotógrafa Paulina Splechta também tinha a máquina preparada. E, assim, a história que os pais e Danielle vão ter para contar ao mundo, também vive das imagens captadas pela fotógrafa. Imagens intimistas e de grande alegria do casal.

Mãe e filha estão bem.