O Resort da Disney World, na Florida, vai colocar sinalética sobre a possível presença de jacarés. A notícia surge depois de uma criança de dois anos ter sido atacada e arrastada, na terça-feira, para um lago por um desses animais.

Na altura do incidente, o Resort só tinha sinalização sobre a proibição de nadar na lagoa dos Sete Mares. Não existiam quaisquer alertas sobre a existência de jacarés naquela área.

A unidade hoteleira admitiu que há agora uma maior preocupação com os animais.

Neste momento, as nossas praias estão encerradas e estamos a rever os procedimentos internos e os protocolos, incluindo o número, a localização e a informação que deve constar nas sinalizações de aviso", disse o porta-voz do Resort, Jacquee Wahler.

Os pais do pequeno Lane Graves ainda tentaram salvá-lo, mas sem sucesso. O cadáver do menino foi recuperado por mergulhadores, no dia seguinte ao ataque, e a autópsia concluiu que a criança morreu afogada e com lesões traumáticas.

A família Graves, num discurso de agradecimento às autoridades locais, descreveu a dor e o choque por que está a passar mas pede privacidade durante esta fase difícil.