O aventureiro Bear Grylls causou polémica por ter instalado na sua ilha particular um escorrega num penhasco com acesso ao mar. O ex-militar está a ser investigado porque, ao que parece, a instalação não foi planeada conforme regras de segurança.

O homem, de 39 anos, é conhecido por colocar a sua vida em risco no programa «Survivor» do Discovery Channel que esteve no ar entre 2006 e 2012. Depois de todas as aventuras vividas, decidiu instalar o escorrega na ilha de St. Tudwa, a pouco mais de um quilómetro e meio da península Gwynedd Llyn, onde vive com a família, refere o «Daily Mail».

Na rede social Twitter, Grylls decidiu publicar a fotografia do escorrega no local íngreme onde foi instalado. Com a fotografia, publicou que tem «novo escorrega em casa, na nossa ilha. Consegue chegar à água muito rápido!».

De acordo com um porta-voz do município de Gwynedd, «a polícia do serviço de planeamento do conselho está a investigar o caso e vai discutir o assunto com o proprietário do local».

Grylls nunca informou o município nem o departamento de segurança da intenção de construir o escorrega no local e não houve qualquer discussão de planeamento acerca do assunto, refere o mesmo.