Murtaza Ahmadi é o menino afegão de cinco anos que ficou conhecido mundialmente por usar uma camisola feita a partir de um saco de plástico, com o número dez do Barcelona. A criança, que se considera o maior fã do jogador, recebeu finalmente uma verdadeira camisola da seleção Argentina, assinada pelo próprio Messi.

Murtaza realizou o seu maior sonho, como se pode ver na publicação feita na página do Twitter do Fundo das Nações Unidas para a Infância (UNICEF- United Nations Children's Emergency Fund).

Foi a "BBC Trending" - uma unidade de investigação on-line da BBC - que ajudou a encontrar o menino que vem do distrito de Jaghori, na província oriental de Ghazni, no Afeganistão. 

Inicialmente pensava-se que a criança seria iraquiana, mas após alguns rumores foi o tio, Azim Ahmadi, um afegão que vive na Austrália, quem o identificou. 

Lionel Messi, consagrado cinco vezes o melhor jogador do mundo, é embaixador da Boa Vontade da UNICEF. A agência ajudou-o a entregar a camisola à criança.  

"Eu adoro o Messi e a minha camisola diz que o Messi também gosta de mim", disse Murtaza, quando lhe foi entregue o presente pela UNICEF.