Um incidente diplomático marcou a chegada do presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, a solo chinês, para participar na cimeira do G20.

As autoridades chinesas criaram um incidente com a imprensa e nem a conselheira de Obama para a Segurança, Susan Rice, queriam permitir que se aproximasse do presidente.

A troca de palavras entre um agente chinês e um membro da comitiva de Barack Obama foi captado num vídeo amador. O homem argumenta:

“Este é o nosso país. Este é o nosso aeroporto”, de acordo com a AFP.