O Presidente angolano, José Eduardo dos Santos, ficou «consternado» e «bastante triste» com a notícia do acidente aéreo na sexta-feira com o avião das Linhas Aéreas de Moçambique (LAM) e que vitimou nove cidadãos angolanos, noticiou a agência Angop.

«O Chefe de Estado Angolano, em seu nome pessoal e do executivo apresenta às famílias enlutadas as suas mais sentidas condolências», afirma a Casa Civil do Presidente da República, citada pela Angop.

O avião, que fazia a ligação Maputo/Luanda, despenhou-se no Parque Nacional de Bwabwata, no norte na Namíbia, durante um temporal que assolava a região, provocando a morte dos seis tripulantes e 27 passageiros.