O número de mortos do avião da Malaysia Airlines que se despenhou, esta quinta-feira, na Ucrânia, junto à fronteira com a Rússia, pode ser superior a 300, avança a Reuters, que cita a Interfax.

De acordo com o Ministro do Interior da Ucrânia, o número de mortos inclui 23 cidadãos norte-americanos.

«Mais de 300 pessoas inocentes morreram... sabe-se que 23 cidadãos norte-americanos morreram», afirmou Zoryan Shkyryak.

O avião levava 280 passageiros e 15 tripulantes a bordo e não há sobreviventes, segundo confirmou o governo ucraniano.

Já o Governo português desconhece, por enquanto, se existiam portugueses a bordo do avião da Malaysia Airlines que se despenhou esta quinta-feira no leste da Ucrânia com 295 pessoas a bordo, disse o secretário de Estado das Comunidades.