O ministro da Defesa da Malásia pediu hoje que o local onde se despenhou o avião da Malaysia Airlines no leste da Ucrânia seja inspecionado «uma última vez».

«É importante para nós, antes da chegada do inverno à Ucrânia, inspecionar uma última vez a pente fino o local [da queda] e na busca de passageiros que ainda não foram encontrados», declarou Hishammuddin Hussein, no decurso de uma visita a Moscovo para encontros com responsáveis políticos russos,sem fornecer mais detalhes.

O ministro malaio também indicou que os encontros com o seu homólogo russo, Serguei Choigou, e com o vice-ministro russo dos Negócios Estrangeiros, Grigori Karassine, decorreram ¿muito bem¿.