As autoridades do Vietname alertaram para o risco de propagação do vírus H7N9 da gripe aviária na sua zona de fronteira com a China, onde a doença já provocou 22 mortos só em 2014, revelou a imprensa local.

Tran Duc Phu, chefe do departamento de saúde preventiva do Ministério da Saúde do Vietname, explicou que várias aves de capoeira testaram positivo ao H7N9 na província de Guang Xi, que partilha 253 quilómetros de fronteira com a província vietnamita de Lang Son.

«A epidemia pode entrar no Vietname a qualquer momento já que há um grande volume de pessoas e bens, incluindo aves de capoeira, que cruzam a fronteira entre os dois países diariamente», disse o mesmo responsável ao portal «Tuoi Tre».