A enfermeira contagiada com Ébola em Dallas recebeu, esta segunda-feira, uma transfusão de sangue do médico Kent Brantly, o primeiro paciente tratado nos Estados Unidos e que superou o vírus, informaram os media locais.

Nina Pham, de 26 anos, deu entrada na sexta-feira com sintomas de Ébola no Hospital Presbiteriano de Dallas (Texas), onde trabalha como enfermeira e, este domingo, as análises confirmaram o diagnóstico.

A enfermeira fazia parte de uma equipa composta por cerca de 70 pessoas que prestou assistência médica a Thomas Eric Duncan, o cidadão liberiano que morreu na passada quarta-feira no mesmo hospital.