Sete pessoas morreram esta noite e outras 28 ficaram feridas na cidade paquistanesa de Carachi, na sequência da explosão de duas bombas, informou a televisão local.

As duas bombas explodiram com 30 segundos de diferença e causaram ainda danos materiais em lojas, automóveis e na via pública, de acordo com o canal Dawn.

Fontes policiais locais, citadas pela agência Efe, indicaram que os ataques poderão ter origem sectária, já que a maioria dos habitantes da zona onde foram registados é xiita, como refere a Lusa.