Pelo menos nove militares foram mortos num atentado à bomba contra uma caravana do Exército paquistanês na área tribal do Waziristão do Norte, no noroeste do Paquistão, informou hoje a imprensa local.

O ataque ocorreu este domingo na zona de Boya, quando a caravana com cerca de 20 viaturas se dirigia para Miramshah, a capital administrativa da região, foi atingida por uma bomba, ativada remotamente por rebeldes, de acordo com o diário The Express Tribune.

Depois do ataque, o Exército lançou, sem êxito, uma operação com apoio aéreo para localizar os atacantes, explicou fonte militar ao jornal.