Diversos grupos pró-israelitas exercem pressão nos Estados Unidos junto de vários políticos a favor de uma intervenção militar do país na Síria, informou a agência Efe.

«Tenho estado em contacto com vários senadores e membros da Câmara de Representantes, que têm muita influência em assuntos de segurança nacional. Acredito que é importante atuar, porque países como o Irão estão a observar e o que aconteceu na Síria não deixa dúvidas de que é necessário recorrer a algum tipo de força militar», disse à Efe o fundador do grupo pró-israelita «Washington Political Action Committee», Morris Amitay.

O Senado e a Câmara dos Representantes vão votar na próxima semana uma resolução para castigar o alegado ataque com armas químicas contra a população síria de 21 de agosto por parte do regime do Presidente Bachar al-Assad.