O Pentágono confirmou hoje a morte de um general norte-americano num ataque perpetrado por um soldado afegão num complexo militar perto da capital afegã, Cabul.

Trata-se do mais alto graduado norte-americano a morrer no Afeganistão desde o início da intervenção das forças internacionais no país em 2001.

«Estou em condições de confirmar que entre as vítimas está um general norte-americano que morreu», declarou o porta-voz do Departamento de Defesa norte-americano (Pentágono), o contra-almirante John Kirby, que não revelou a identidade do oficial, aguardando pela notificação da família da vítima.