O aeroporto de Carachi, o mais importante do Paquistão, foi esta terça-feira novamente atacado, um dia depois de um assalto talibã ali ter feito 38 mortos, informaram as autoridades locais.

Todos os voos previstos para aquele aeroporto foram suspensos até nova ordem, declarou um porta-voz da aviação civil.

O ataque ocorreu a cerca de 500 metros da entrada principal do aeroporto e ainda mais longe do terminal de passageiros.