A morte de um turista japonês, de 66 anos, provocada por uma queda nas escadas enquanto tirava uma selfie no Taj Mahal fez aumentar o número de mortes por causa das fotografias para 12, avança o Mashable.

Em comparação, no ano de 2015, os ataques de tubarões fizeram oito mortos. 

Segundo a mesma fonte, quatro das mortes por causa das selfies foram causadas por quedas. Outra das causas de morte que envolve as selfies são atropelamentos por comboio.

No entanto, não é ainda claro que o número de mortes por causa das selfies esteja aumentar, apesar de as pessoas estarem a esquecer os níveis de segurança para conseguirem tirar uma foto memorável.