Pelo menos 17 soldados morreram este domingo num ataque a uma base militar indiana em Uri, na região de Caxemira, perto da fronteira com o Paquistão. A informação foi confirmada pelo próprio exército indiano.

O ataque ocorreu esta madrugada quando pelo menos quatro pessoas armadas conseguiram entrar no acampamento militar. Os rebeldes acabaram morrer, segundo revelou o comando do exército responsável por esta região.

Caxemira é uma região disputada pela Índia e pelo Paquistão desde o fim da colonização britânica.

Nos últimos dois meses, as tensões nesta região intensificaram-se com vários confrontos entre manifestantes e a polícia, que mataram pelo menos 80 civis.