O menino britânico que foi levado do hospital de Southampton, no sul de Inglaterra, pelos próprios pais, esta sexta-feira, foi localizado em Espanha este sábado, avança a BBC.

Os pais de Ashya King, de cinco anos, estão a ser interrogados pela polícia.

As fontes policiais não adiantaram à BBC o estado de saúde da criança nem onde foi encontrada.

No entanto, a agência espanhola EFE garante que o menino foi encontrado em Torre del Mar, perto de Málaga, e que foi transportado de imediato ao hospital local.

Ashya precisa de ser alimentado por um tubo e teria um equipamento portátil com bateria suficiente para sobreviver durante algumas horas.

Brett King, de 51 anos, e Naghemeh King, de 45, levaram do hospital o filho, diagnosticado com um tumor no cérebro, tendo os médicos apelado ao seu regresso devido à necessidade urgente de cuidados de saúde.

Numa imagem de uma câmara de videovigilância, divulgada pela polícia de Hampshire, vê-se o pai a levar o filho numa cadeirinha de rodas.

Soube-se desde logo que a família - os pais, mais sete filhos - apanharam um ferry com destino a França e que o rasto se perdeu depois do porto de Cherbourg, onde chegaram ao princípio da noite, tendo seguido viagem numa carrinha Hyundai.