Sete pessoas morreram, na última noite, na sequência da queda de um jato privado nos arredores de Boston. O aparelho despenhou-se durante a operação de descolagem. Entre as vítimas mortais, está Lewis Katz, o co-proprietário do jornal «The Philadelphia Inquirer», de 72 anos.

De acordo com a revista «Time» testemunhas dão conta de uma bola de fogo, que terá resultado da explosão do aparelho. O voo tinha como destino Nova Jersey.

Lewis Katz tinha comprado, na terça-feira, com outro empresário a posição de outros donos do «The Philadelphia Inquirer» e de duas publicações locais.

As identidades das outras vítimas não foram ainda divulgadas e os funcionários da Autoridade Portuária de Bedford-Massachusetts admitem que o aeroporto se mantenha fechado até novo aviso.