Lionel Messi e Antonela Roccuzzo pediram aos convidados do seu casamento que lhes oferecessem como presente um contributo monetário para doar a uma instituição de solidariedade. Apesar de a maior parte dos convidados serem estrelas do futebol e do mundo do espetáculo, que vivem numa situação financeira confortável, o total amealhado ficou muito abaixo das expectativas, cerca de dez mil euros.

No total, as cerca de 260 pessoas que participaram na cerimónia, realizada num hotel em Rosário, a terra-natal do craque argentino, ofereceram 9.562 euros, de acordo com o jornal Clarín. Ou seja, em média, cada convidado deu 37 euros.

O jornal argentino descreve mesmo a prenda de casamento como “miserável”, atendendo ao cariz solidário do pedido de Messi, uma vez que muitos dos convidados são jogadores internacionais de futebol que ganham milhões de euros.

O dinheiro foi doado à “Fundación Techo Argentina”, uma organização não-governamental que promove a construção de habitações sociais para a população mais necessitada na América do Sul.

Através da rede social Twitter, a organização agradeceu a Messi e a Antonela e disse que, até ao momento, já foram construídas 10 casas-abrigo com o dinheiro angariado. A ONG deixou também claro que ainda é possível fazer doações.

Entre os convidados do casamento estavam estrelas da música como Shakira, mulher do jogador Piqué, vários jogadores e ex-jogadores de topo do futebol mundial, como Fabregas, Iniesta, Neymar, Di Maria ou Luis Suarez.