Angela Merkel já votou. A chanceler alemã exerceu o direito de voto, em Berlim, pouco depois da hora do almoço.

Merkel votou na companhia do marido, na universidade de Humb-Oldt, no centro da capital alemã. Muito pouco discreta foi a presença de um guarda-costas que acompanhou de perto a chanceler.

Nestas legislativas 2013, joga-se muito mais do que o futuro da Alemanha. O futuro da europa e da moeda única estão também no centro das decisões do novo governo de Berlim.

Há mais de 50 anos que nenhum partido, sozinho, tem maioria no Parlamento ou Bundestag.