Andre Michel, advogado e feroz opositor do Presidente haitiano, Michel Martelly, foi detido na noite de terça-feira em Martissant, um bairro de Port-au-Prince, desencadeando violentos protestos, anunciaram as rádios da capital.

A polícia haitiana disparou para o ar e recorreu ao uso de gás lacrimogéneo para dispersar os manifestantes que protestavam contra a detenção do advogado, os quais lançaram pedras contra os agentes e incendiaram barricadas nas ruas, de acordo com testemunhos.

Andre Michel, que acabou por ser detido apesar da presença de manifestantes e de deputados, intentou uma ação contra a mulher e o filho mais velho do Presidente do Haiti, Michel Martelly.