Dois dos jornais alemães de maior tiragem, o Bild e o BZ, propriedade do gigante da comunicação social Axel Springer, incluem, na edição desta quarta-feira, um suplemento de quatro páginas em árabe, destinado aos refugiados que diariamente chegam ao país. O livreto inclui um mapa de Berlim e um glossário com as principais expressões alemãs e a respetiva tradução em árabe.

   
"Ofereça este exemplar (...) a um refugiado depois de o ler", apela o BZ, auto-proclamado "maior jornal em Berlim”.
 
A maior economia da zona euro espera receber 800 mil refugiados. Só este ano, a capital Berlim espera acolher 70 mil.