uma arma que não era deleausência de vestígios de pólvora nas mãos do procurador









«Por que razão se havia de suicidar um procurador que, tanto ele como a sua família, gozavam de uma boa qualidade de vida?»

«Por que havia de pedir emprestada uma arma um homem que tinha duas armas registadas em seu nome?»

«É impossível não relacionar , uma pessoa aparece morta com uma arma registada em nome da última pessoa que esteve com ele em vida»

E, «como é um que um médico privado tem acesso ao local do crime sem autorização de um juiz (…)?»