Uma criança de quatro anos foi retirada já sem vida da piscina de um navio de cruzeiro norueguês fundeado que se encontra agora atracado no porto de Manhattan, em Nova Iorque nos Estados Unidos.

O afogamento ocorreu na segunda-feira, ao largo da Carolina do Norte, quando duas crianças foram encontradas numa piscina de adultos no interior do navio.

Um rapaz de seis anos foi retirado com vida e helitransportado para o hospital, de acordo com a Associated Press, mas desconhece-se se o menino corre risco de vida ou se ficou com lesões.

A criança mais nova, também um rapaz, alvo de manobras de reanimação logo a bordo do barco, acabou por não dar sinais vitais e o óbito foi declarado.

A companhia de cruzeiros norueguesa confirmou a morte e apresentou as condolências à família.

As circunstâncias em que as crianças tiveram acesso à piscina não estão apuradas.

A bordo deste cruzeiro estão quatro mil pessoas e há inclusive programas de supervisionamento de menores entre os três e os 17 anos.

A FoxNews não conseguiu saber se as crianças estavam incluídas num desses programas ou se a supervisão estava a cargo dos familiares.