Pelo menos 11 pessoas, incluindo dois indianos e um norte-americano, morreram num ataque a uma hospedaria em Cabul, reivindicado pelos talibãs.

O ataque, que começou na quarta-feira à noite, durou várias horas, e decorreu na guesthouse Park Palace, no centro da capital afegã.

O chefe do departamento de Emergência do Ministério do Interior, Homayoon Aini, disse à Efe que seis pessoas ficaram feridas.

O ataque foi reivindicado entretanto pelos talibãs.
 

"Foi uma missão suicida levada a cabo por um dos nossos mujaheddin de Logar. O ataque foi planeado cuidadosamente para atingir a festa onde pessoas importantes e norte-americanos iam comparecer."


Segundo a AFP, o ataque durou cerca de sete horas e envolveu explosões e vários disparos, numa altura em que as forças afegãs se preparam para confrontos com os rebeldes talibã.