Inspetores descobriram esta segunda duas caveiras e outros restos humanos escondidos dentro de ursos de peluche numa companhia de transportes num aeroporto da Cidade do México.

Empregados da companhia fizeram a descoberta após passarem os ursos de peluche pela máquina de raios X durante uma inspeção de rotina, afirmou o gabinete do procurador público da Cidade do México.

Os restos humanos «aparentam ter sido exumados recentemente», disse o gabinete num comunicado, indicando que seriam para uso em rituais religiosos afro-caribenhos no estrangeiro, como noticia a Lusa.