Pelo menos 33 pessoas morreram e outras 26 ficaram feridas no descarrilamento seguido de incêndio do comboio onde seguiam no domingo, no sudeste da República Democrática do Congo, divulgaram as autoridades congolesas.

O acidente, na região mineira de Katanga, perto da fronteira com a Zâmbia e com Angola, fez 33 mortos, disse à AFP o governador da província de Lualaba, Richard Muyej Mangez Mans, confirmando um primeiro balanço da rádio da ONU Okapi.

"Vinte e seis feridos graves foram encaminhados para os hospitais", acrescentou o governador.

O comboio com 13 composições - que incluíam transporte de combustíveis - descarrilou em Buyofwe, perto de uma estação localizada a 30 quilómetros da província de Lualaba, antes de se incendiar.