Um jovem indiano morreu, acidentalmente, quando tirava uma selfie com uma arma, segundo a CNN.

Ramandeep Singh estava a usar a pistola do pai, de calibre 32, quando resolveu tirar uma selfie. O jovem apertou o gatilho acidentalmente e ficou ferido com gravidade, disse Manoj Kumar, do departamento de polícia em Pathnkot, no noroeste da Índia.

A arma que o jovem de 15 anos estava a utilizar não tinha a patilha de segurança ativa. O adolescente ainda foi transportado para o hospital e submetido a cirurgia, mas acabou por não resistir aos ferimentos. Faleceu na tarde deste domingo.

Estatísticas citadas pela CNN mostram que, na Índia, os casos de morte acidental relacionada com selfies são muito frequentes. Nos últimos três anos, ocorreram 49 mortes em todo o mundo relacionadas com selfies, das quais 19 foram registadas na Índia, quase 40% do valor mundial.