Pelo menos 20 pessoas morreram e outras três ficaram feridas com gravidade devido ao despiste, na Tailândia, de um autocarro que transportava trabalhadores birmaneses.

Segundo relato da agência EFE, o veículo incendiou-se depois de um despiste seguido de colisão, na estrada 12, quando circulava de Mae Sot, na fronteira com a Birmânia, para uma zona industrial em Pathum Thani, a norte de Banguecoque.

A bordo seguiam 49 pessoas, na sua maioria de origem birmanesa.

Há uma semana 18 pessoas morreram noutro acidente de um autocarro com turistas tailandeses, no nordeste do país.

Os acidentes rodoviários são frequentes na Tailândia devido ao escasso respeito pelas normas de tráfico e à condução perigosa dos condutores profissionais, que em muitos casos fazem jornadas de mais de 12 horas na estrada.

Segundo a Organização Mundial de Saúde (OMS), as estradas da Tailândia, onde morrem anualmente 24 mil pessoas em acidentes, são as segundas mais perigosas do mundo.