No mundo mágico da Disney, também há lugares proibidos. Entre 1999 e 2001, encerraram dois parques, um dos quais o primeiro parque aquático da Disney, no estado americano da Flórida, e desde então todas as estruturas e decorações estão deixadas ao abandono.

O Discovery Island funcionou entre 1974 e 1999 numa ilha, considerada reserva natural no meio de um lago, conhecido por Bay Lake. O River Country era o parque aquático e funcionou entre 1976 e 2001.

Os dois espaços ficam a leste do parque Magic Kingdom e são os únicos parques da Disney fechados de forma permanente.

De acordo com a BBC, a Disney prefere mantê-los escondidos, pelo que o acesso aos locais não é permitido.

Mas o fotojornalista Seph Lawless, especialista na beleza inquietante de lugares abandoados, entrou neste mundo proibido e partilhou algumas imagens através do Instagram.

À TVI, Seph explicou que o objetivo da divulgação das fotos é que a Disney limpe estes locais, preservando o ambiente.

Seria de esperar que uma empresa multimilionária limpasse este espaço para torna-lo amigo do ambiente e da vida selvagem existente. Eu gostava de ver esta reserva natural de volta ao seu lugar”, explicou Seph Lawless. “A minha mensagem com este projeto é que nenhuma empresa deveria ser poderosa o suficiente para fazer uma coisa assim”.

De acordo com Seph, a área é vigiada por vários seguranças que não permitem que ninguém se aproxime a menos de 15 metros.

Mas apesar da proibição da Disney em relação ao acesso à ilha, é possível alugar barcos para a navegação no lago. Foi a partir de um desses barcos que Seph Lawless tirou a maior parte das fotografias. Noutras, utilizou um drone.

 

Abandoned Disney World

A photo posted by Seph Lawless (@sephlawless) on

 

Abandoned Disney World

A photo posted by Seph Lawless (@sephlawless) on

 

A Disney está incomodada comigo, mas por que ficam eles tão incomodados sempre que alguém se aproxima demasiado da Discovery Island abandonada? O que é que estão a esconder, Disney?", escreveu o fotojornalista na legenda desta imagem.

Este fotojornalista provavelmente aproximou-se demais e acabou por ser banido da Disney World, conforme explica numa outra publicação no Instagram.

Segundo a BBC, há quem diga que o encerramento e abandono destes espaços se deve à poluição que se provocava nestes locais, mas há também quem aponte uma bactéria que nos anos 80 provocou a morte a uma criança que tinha nadado no River Country.

Quanto à Disney, não avança com nenhuma justificação oficial.