Um dia depois do acidente que envolveu um Airbus A320 da Germanwings nos Alpes franceses, o voo 9441 que liga Barcelona a Dusseldorf voltou a realizar-se.

O avião para Dusseldorf partiu de Barcelona às 09:45 (08:45 em Lisboa) dez minutos depois da hora prevista. A aterragem na cidade alemã aconteceu às 11:50, 10:50 em Lisboa, segundo o site do aeroporto de Dusseldorf.

Esta quarta-feira foi um Airbus A319 a fazer a ligação, uma aeronave ligeiramente mais pequena do que o A320. O aparelho, com capacidade para 144 pessoas, fez o primeiro voo em dezembro de 2006.

No terminal 2B do aeroporto de Barcelona, os passageiros não conseguiram esconder o medo de fazer o mesmo trajeto, na mesma companhia, apenas um dia depois do acidente.

Um dos passageiros partilhou com o portal espanhol de notícias «ABC» o receio: «Gostava que cancelassem o voo e que pudesse ir para casa. Mas agora tenho de ser forte e aguentar».

Os passageiros confirmaram ainda que receberam um email da companhia low cost alemã a informar que o número do voo foi mudado, de 9525 para 9441. Em rotas fixas e regulares, como era o caso de Barcelona-Dusseldorf, as transportadoras aéreas adotam números de voos fixos, neste caso o 9525. No entanto, depois de acidentes, é recorrente que as companhias alterem o número de voo da rota em causa para evitar traumas ou superstições.

A Germanwings confirmou que cancelou 30 voos nas últimas horas por falta de pessoal, uma vez que algumas tripulações se recusaram a voar.

Ao longo do dia desta quarta-feira, a Lufthansa vai assumir o número máximo possível de rotas canceladas da Germanwings.
 
SIGA AO MINUTO TODOS OS DESENVOLVIMENTOS SOBRE A QUEDA DO AVIÃO NOS ALPES FRANCESES