A polícia japonesa encontrou partes de pelo menos nove corpos num apartamento em Zama, a sul de Tóquio, e deteve o inquilino pela eventual ligação ao desaparecimento de uma jovem.

A descoberta foi feita numa casa localizada na prefeitura de Kanagawa, no decurso de uma investigação relativa ao desaparecimento de uma jovem de 23 anos oriunda de Tóquio, indicaram fontes policiais à emissora estatal NHK.

A polícia deteve e interrogou o morador, um homem com 27 anos, que contactou com a jovem desaparecida através da Internet e que a terá levado a sua casa na segunda-feira.

Foi uma câmara de videovigilância que a captou a passear com o suspeito perto do apartamento.

As partes dos corpos, incluindo duas cabeças, encontravam-se em caixas térmicas,

As autoridades japonesas vão agora realizar testes de ADN para identificar as vítimas.