O Supremo Tribunal Federal (STF) informou no sábado que o julgamento sobre o processo de destituição da Presidente brasileira suspensa de funções, Dilma Rousseff, vai ser iniciado a 29 de agosto e deverá ser concluído na primeira semana de setembro.

O julgamento terá assim início oito dias depois do fim dos Jogos Olímpicos do Rio de Janeiro.

Segundo a imprensa brasileira, o calendário foi confirmado em comunicado divulgado no sábado pela assessoria de imprensa do Supremo Tribunal Federal.